Artigos Glass Journal

|Concert Reviews|

ELECTRIC LITANY – INDOURO FEST – 1ºDIA


A manhã cinzenta de sábado auspiciava um dia chuvoso, o que, juntamente com o cancelamento dos cabeça de cartaz Clinic, levou a que não houvesse grande afluência à Serra do Pilar, nesta primeira edição do festival gaiense. 


Passemos a falar dos Electric Litany: banda de raízes gregas, texanas e inglesas, mas que reside, atualmente, em Londres. A junção de diferentes perspectivas é também visível na sua música, onde reconhecemos traços de post-rock, experimental e electrónica, que assentam num corpo de revivalismo post-punk, no qual encontramos similaridade com Editors e Interpol. A voz inspiradora do grego Alexandros Miaris encantou o público que retribuiu com ovações dignas de registo.

 






















Se em álbum, a música dos Electric Litany carece de alguma dimensão, ao vivo somos emergidos num mundo em constante desenvolvimento, apoiado pelo crescimento instrumental e vocal que os Electric Litany nos oferecem nos seus êxitos “Tear” e “Father of Ecstasy”. O uso da electrónica no mundo do post-punk em “Silence” teve uma boa repercussão junto dos espectadores, sendo um dos pontos altos do concerto da banda que acabou por apresentar mais faixas do longa duração How to Be a Child & Win the War , editado em 2010, do que do álbum que lançou em 2014: Enduring Days You Will Overcome.

Com o fim deste concerto veio a noite e, infelizmente, a chuva, que voltou a emergir depois de ter sido menos brava durante cerca de uma hora de post-punk, naquele que foi o primeiro momento alto do dia inaugural de Indouro Fest.


Fotografia: Francisco M Soares (
https://www.flickr.com/photos/franciscomoraissoares)
Texto: Eduardo Antunes

Sem comentários:

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Com tecnologia do Blogger.