Artigos Glass Journal

TRC ZigurFest #2

Hoje continuamos na nossa missão de divulgar o TRC ZigurFest. Nesta publicação continuamos a dar a conhecer as últimas 5 bandas que atuam no dia 28: Plus Ultra, CoronaBatsaykhantüül, Tar Feather e Cajado.


Plus Ultra 


Plus Ultra são uma banda natural do Porto que em 2011 encerraram a sua atividade. Foi com muita pena, por parte dos portugueses, que durante 4 anos não ouvimos falar de uma das bandas mais agressivas e violentas - num bom sentido é claro! - do nosso país. Os seus espetáculos são garantidas fontes de movimento, aos quais é impossível ficar indiferente. Em 2015 regressam dos mortos e iniciam de novo o seu percurso musical, o grupo é composto por Gon dos Zen, Kino dos Ornatos Violeta e Azevedo dos Mosh. A sua praia passa por um rock pesado, definindo-se como um power trio






Corona 



Corona são dB e Logos, duas distintas personagens do hip-hop nacional que encontraram ideias em comum.
dB é o produtor de serviço e muito provavelmente o maior cleptomaníaco de samples em Portugal, acreditando que tudo tem potencial para ser reutilizado nos seus beats. Na sua discografia conta já com três álbuns em nome próprio: [Beat]erapia (2012), [Retro]activo (2012) e Black Cobra (2014). Esteve também presente na compilação Novos Talentos da Fnac em 2012 e produziu recentemente a viral música de PZ “Cara de Chewbacca”.
Logos é o rapper de serviço e muito provavelmente aquele com mais facetas em Portugal, sendo quase camaleónica a forma como aborda cada música. A sua discografia é composta por três álbuns no grupo Raiz Urbana: Renasce o Underground (2006), Esfera em Guerra (2008) e Tempo de Vida (2013); os trabalhos a solo Subúrbio Envolve (2007) e L’s Kitchen (2010); Roulote Rockers e o EP Projecto de Sábado à Tarde (2009), assim como Ollgoody’s e o álbum Passeio (2014)
Corona é a maturação non-sense de dois artistas sem limites  e como eles diriam "
uma ópera hip hop psicadélica/rock & roll ... aditada por molho de francesinha".






Batsaykhantüül



Batsaykhantüül é um projeto criado em 2010, cuja música é definida como psych-folk. Quando ouvimos os seus trabalhos notamos que tudo gira em torno de um som muito espacial, principalmente nos seus mais recentes trabalhos. A guitarra ajuda a dar um seguimento fluído, que se faz acompanhar por batidas simples mas adequadas provenientes da percussão. Batsaykhantüül grava e lança as suas música através da discográfica Favela Discos. 






Tar Feather


Tar Feather é um projeto musical criado e desenvolvido por Diogo Tudela. Há, nas suas produções, um retro-futurismo e uma dança de espectros que joga com a memorabilia da música de dança, como se atravessasse a sua história e carregasse os vestígios, cruzando-a com samples de Son House, Britney Spears, Beyoncé ou Lana Del ReyHeavy Metals (2013), o primeiro álbum saído pela Easy Pieces, discográfica pela qual assinou contrato, apresenta uma electrónica de auscultações arqueológicas, um alinhamento oblíquo de batidas ossificadas e gretadas, objectos não identificados, drones e sintetizadores lamacentos, com uma rítmica dançável entre o dubstep, o UK garage, o tecno e o house.






Cajado


Cajado surge em janeiro de 2008 entre o Alentejo de Évora e a localidade de Santo Tirso, mais a norte. O projeto é composto por Joel Figueiredo pertencente também a Fausto & Illusion Orchestra, Omitir, Gesso e  Forgotten Winter, e Daniel Catarino que compõe também Uaninauei, Bicho do Mato, Oceansea e Long Desert Cowboy. A sua música cria, como estes a referem, "um ambiente contemplativo, de formas simples, que pretende servir de banda sonora para todos aqueles que vão do campo para a cidade e têm saudades de casa".




Sem comentários:

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Com tecnologia do Blogger.