Vodafone Paredes de Coura |2º Dia|





Hoje, dia 20, o Festival Paredes de Coura entra no seu ritmo normal, com concertos desde as 18h da tarde até ao fim das atuações after hours. Eis os nossos destaques deste dia:

Hinds, elas dispensam hóteis e irão acampar como qualquer outro festivaleiro. É também este espírito descontraído que podemos ver nos concertos desta banda feminina, que chega de Madrid com muita boa disposição.





Pond, serão certamente um dos concertos do palco Vodafone.FM com maior afluência. Os Pond são a banda liderada por Nick Allbrock e que podemos definir como uma versão mais lo-fi e menos controlado dos seus conterrâneos e amigos Tame Impala. Aliás, existem elementos em comum nas duas bandas e que, por isso, veremos mais do que uma vez neste dia. 





Steve Gunn, singer-songwritter que editou um dos álbuns mais aclamados do ano passado, devido ao seu estilo simplista e intimista: Way Out Weather. Podemos esperar deste músico um concerto muito experiente, pois ele já atuou com o lendário Michael Chapman e também já foi um dos Violators de Kurt Vile.






Father John Misty é Joshua Tillman, antigo membro dos Fleet Foxes que aventurou-se no segundo álbum sob o alter-ego de Father John Misty. I Love You, Honeybear é um álbum que conta a história de amor mais profundo e mais revelador que este conheceu, sendo um trabalho que aumentou a sua  cotação na indústria musical, assim como as expectativas perante os seus concertos. 






Iceage são os representantes da Dinamarca no festival Paredes de Coura, mas são bem mais que isso. São umas das bandas europeias de punk rock a quem se perspetiva um maior crescimento, que possivelmente virá com um primor e amadurecimento da sua música, que reflete a sua jovialidade e o facto de terem criado a banda com 17 anos.





Tame Impala, são, muito provavelmente, o maior nome do Festival Paredes de Coura deste ano, e de facto, não precisam de introduções. Será interessante entender a abordagem eletrónica dos sintetizadores de Currents às faixas de sucesso anteriores, que têm uma roupagem mais rock e com mais guitarras. Apontamos este concerto, como "o concerto" do Vodafone Paredes de Coura.





Textos: Eduardo Antunes

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.